Hoje, dia 25 de maio, é o Dia Internacional da Criança Desaparecida. Por isso, a EMBRASP separou algumas dicas de cuidados com a segurança de crianças. Confira!

  • Oriente seu filho, desde pequeno, a não aceitar presentes, doces ou caronas de estranhos, sob qualquer argumentação, e mesmo de conhecidos ou parentes sem o seu prévio consentimento.
  • Conheça sempre as pessoas (familiares,professores) que convivem com seu filho, participando sempre de suas atividades escolares, festivas e entre amigos.
  • Desde pequena a criança deve conhecer seu nome completo, odos pais, seu endereço, telefone, referências, etc.
  • Não permita que seu filho brinque na rua sem supervisão efetiva de um adulto de sua confiança.
  • Não deixe seu filho sozinho em casa, mesmo que seja só por alguns minutos.
  • Ao mudar-se para um novo endereço, faça sua família ser conhecida da vizinhança, e conheça também as pessoas que estão a sua volta.
  • Providencie a Carteira de Identidade de seu filho, que pode ser emitida já a´partir do nascimento da criança.
  • Faça exame para conhecer o tipo sanguíneo e o fator RH da criança.
  • Observe mudanças no comportamento da criança e procure imediatamente identificar a causa.
  • Quando transportar crianças em seu veículo, o faça com os equipamentos de segurança adequados e as cautelas necessárias.
  • Não deixe crianças sozinhas no interior de veículos, mesmo que seja por alguns instantes.
  • Faça com que seu filho se sinta seguro para confidenciar qualquer coisa a você. Seja sempre seu amigo, independente das circunstâncias.
  • Acompanhar os hábitos de leitura e os acessos à internet, principalmente junto aos sites de relacionamento. Identificada qualquer anomalia, DENUNCIE, se for o caso.

 

Conheça o Movimento Catarinense de Busca da Criança Desaparecida

A Embrasp é apoiadora do Movimento Catarinense de Busca da Criança Desaparecida, que desde 2004 desenvolve projetos com o objetivo de implementar ações que despertem na sociedade a solidariedade e proteção às crianças vítimas dessa violência.

Uma das ações do movimento foi a criação do portal online, que contém informações e bancos de imagens. Com ele, desde 2011, foram quase 70 crianças encontradas.

Conheça o movimento e saiba como ajudar também no site: http://criancadesaparecida.org/